Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto no que me rodeia! Educação e Arte são a minha paixão! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é uma nova forma de Arte!. email: ag_silva@hotmail.com

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto no que me rodeia! Educação e Arte são a minha paixão! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é uma nova forma de Arte!. email: ag_silva@hotmail.com

Protocolo entre a CMT e a JFParada de Gonta!..2

Assinatura do Protocolo

Neste dia 30 de Março de 2007, a Junta de Freguesia de Parada de Gonta recebeu um convite da Câmara Municipal de Tondela, para estar presente com o todo o seu elenco Executivo, o Presidente da Junta de Freguesia, Fernando Amaral, o Secretário da Junta de Freguesia, Agostinho Silva e a Tesoureira da Junta de Freguesia, Clara Matos e também o Presidente da Assembleia de Freguesia Luís Sá, na assinatura do protocolo entre a Câmara Municipal de Tondela  e a Junta de Freguesia de Parada de Gonta, mais própriamente neste caso todas as Juntas de Freguesia do Concelho.

Tendo como pano de fundo várias fotos num painel das visitas do Sr. Presidente da Câmara Dr. Carlos Marta, com sua vereação às diversas Freguesias do Concelho, deu inicio à sessão de apresentação o Dr. Miguel dando a conhecer o que se pretendia da sessão para depois começar a chamar cada um dos Presidentes de Junta para assinatura do protocolo.

Passando-se à assinatura do protocolo e da verba atribuída a Parada de Gonta “treze mil e poucos euros”, menos 10% do que o ano passado, justificando o Presidente da Câmara, no discurso mais à frente, que o governo é o principal responsável porque foi ele que fez este corte nas verbas às autarquias.

Pouco depois seguiu-se o discurso do representante das Juntas, Sr. Moreira, Presidente da Junta de Freguesia de S. Miguel do Outeiro, que pediu ao Presidente da CMT que olhe mais para as Freguesias do interior, que por estarem mais isoladas são as mais desfavorecidas.

Por último seguiu-se o discurso do Presidente da Câmara, Dr. Carlos Marta, que sobressaiu pela justificação no corte das verbas às Freguesias e veio ao de cima o auto-elogio, como sendo uma Câmara na vanguarda e sempre pronta a ajudar as Freguesias como nenhuma outra faz, ao ponto de não atribuir as mesmas ou mais verbas às Juntas porque o governo cortou às autarquias e está na onda do racionamento.

Na minha opinião e já o ano passado chamei à atenção da “ridícula” verba atribuída a Parada de Gonta, para arranjos das ruas, limpeza das ruas e valetas, agueiros em bom estado, reparações e conservação das escolas, pequenas obras e arranjos na freguesia, como muros que aluem ou caminhos danificados pelas águas, podas das árvores e manutenção e arranjos dos jardins, etc. etc. etc. As atribuições às Juntas de Freguesia começam a ser muitas e as verbas atribuídas ainda são menos pelo executivo camarário.

Não sei quais os critérios para atribuição destas verbas às Juntas de Freguesia, só sei que não chegam para aquelas atribuições todas e é só verificar o pessoal que tem que andar nas limpezas das ruas e valetas, pelo Verão, pelo Natal e pela Páscoa, isto só para nomear as três épocas principais.

De qualquer forma os nossos agradecimentos à Câmara Municipal de Tondela por esta pequeníssima verba que servirá também para amaciar a dívida ainda do que falta da herança que nos foi deixada pelo anterior executivo. É de lembrar que a Junta actual assumiu os compromissos da anterior Junta e que ainda não foram completamente saldados.

A Junta de Freguesia de Parada de Gonta deseja a todos… e especialmente aos Paradenses Emigrantes uma BOA PÁSCOA.

  

Fotos do Protocolo

 

 

 


Recados sobre o Pinóquio!..

Pinóquio III

A história começa assim: (ver Pinóquio I e Pinóquio II )
Pinóquio é um aluno que vem de uma família desagregada que vive do rendimento de inserção social e nada quer da escola. E porque estamos em altura de avaliações, o pinóquio mais uma vez veio à baila. Deixo aqui três comentários que viraram post e que retratam o estado das coisas.

 

De PSICÓLOGA a 20 de Março de 2007 às 00:44

Este governo anda mesmo desgovernado.
Talvez a solução esteja em alguma mente brilhante da escola a que pertence.
Por este andar, o ideal seria criar escolas para bons e outras para pinóquios e... seguindo a mesma ideia, criar hospitais para sãos e aumentar os cemitérios para os doentes.
O grande problema para os professores não está nas turmas ditas normais, o problema está nas turmas com pinóquios. Aqui é que se vê quem é realmente bom professor.
Também na classe médica, um médico que ajuda a curar uma constipação, uma gripe ou uma amigdalite é um médico, simplesmente um médico. mas aquele que se debate com a vida e a morte a todo o momento e recupera o mais possível, é sem dúvida um médico, mas um bom médico.
Coitado do pinóquio... será que ninguém tem a capacidade de o ajudar a vencer?! O que é que o amigo bloguista tem feito para além do desejo de o ver pelas costas?!....

 

 

De Arte por um Canudo 2 a 20 de Março de 2007 às 16:18

Cara Psicóloga:
É o que se chama uma solução politicamente correcta. Como resolver um problema destes? Resposta fácil..Querem-no ver pelas costas. Já pensou em ter um filho na mesma turma? É que aos outros (alunos) não nos custa nada dizer que o têm que aceitar tal como ele é, claro não são os nossos filhos e coitado do aluno que não tem eira nem beira. O que se diz neste post é que apesar de haver várias instituições a tomarem conta do caso ninguém dá solução e olhe que também estão incluídos os Psicólogos. Várias estratégias já foram feitas e todas acabaram por não surtir efeito. Será que as mentes brilhantes ou essa capacidade de solucionar problemas só existem fora desta escola? Veja que quem acaba por ficar com ele é a escola, nos outros lados só de passagem, e o que queremos é arranjar uma solução em conjunto. Este post não exclui ninguém mas alerta para este tipo de situações. Não pode ser com esse tipo de soluções (querem-no ver pelas costas)que se resolvem estes casos.

 

 

De Jorge Lourenço a 28 de Março de 2007 às 14:16

Cara Psicóloga: é muito interessante o seu comentário. Retoricamente bem construído. Mas infelizmente não passa de mais um conjunto de pseudo argumentos falaciosos que se tornam verdadeiramente perigosos quando confrontados com a realidade. É com base nessas premissas que se tem construído uma escola ( e uma sociedade) que, sob a capa politicamente correcta da inclusão, não faz mais do que promover a mediocridade e cercear a possibilidade de potenciar as capacidades que quem, muitas vezes com muito esforço e sem reconhecimento, luta pelo seu próprio sucesso pessoal. A imagem do médico que só cuida "pacientes" sãos, ou que padecem de males menores acaba por ser patética. Eu colocaria outra questão, para pegar na sua imagem: se um médico for confrontado com 20 sinistrados, 19 dos quais, em estado mais ou menos grave, mas com viabilidade, e um já moribundo e que ainda por cima usa as últimas forças para recusar qualquer auxílio, qual lhe parece ser a atitude correcta? Investir tempo e meios neste, deixando morrer os outros 19 (e mais tarde este também)? Ou tratar os outros 19, salvando-lhes a vida? é que um professor é confrontado diariamente com turmas de 20 alunos, e tem de optar entre promover as potencialidades dos bons, ou até dos menos bons, mas nunca deve deixar estes 19 para se perder tempo ( e uso aqui o termo em sentido literal) com um qualquer Pinóquio.
Eu, enquanto professor, prefiro investir em desenvolver e trabalhar as potencialidades daqueles que lutam pelo seu sucesso com trabalho e empenho, do que perder o meu tempo com os Pinóquios deste mundo. Eu aposto na qualidade e não a ponho em causa por um qualquer medíocre. Mas certamente a minha cara Psicóloga, enquanto tal, será a mais indicada para lidar com os pinóquios... ou talvez não! Se calhar é graças a uma cultura da mediocridade sustentada por pessoas que pensam como a Srª que existem hoje tantos pinóquios neste mundo... e não é só nas escolas!!
Um abraço Agostinho.
Jorge Lourenço

 


Capa.2007


Capa para guardar os trabalhos dos alunos

Mais uma excelente amostra dos trabalhos realizados pelos alunos do 6º Ano.

Ver mais trabalhos

 

Ironia politica:

 

Capa = Aparência/Cobertura

Depende o significado daquilo que está mais de acordo com o que se quer dizer ou depende da intenção de quem o diz: ”Capa”, pode ser algo que possa guardar ou dar cobertura a outro algo, como fizeram os alunos para guardar e proteger seus trabalhos, ou como e com certa intenção, se diz; não passa de uma aparência/embuste que vai encobrindo “aquilo que não é mas anda a parecê-lo”.   

O caso da Licenciatura do Eng.º Sócrates deixa muito a desejar e pela investigação do jornal público existem muitas pontas soltas.

Dizia-se na antiga Roma que “à mulher de César não bastava ser séria, teria que parecê-lo”. O Sr. primeiro-ministro que exige rigor, transparência e verdade, parece-me que terá que fazer algo mais para mostrar que o que se diz é realmente boato, e terá que desmontá-lo como outros que já teve e que ele muito bem soube desmenti-los. Como se sairá desta?

                 

Nota: Uma das consequências desta falta de verdade, (seja de quem está no poder ou de quem apregoa a mentira), da corrupção, do desencanto, do compadrio, da mesquinhez, do capitalismo selvagem que grassa o pós 25 de Abril, foi a votação conhecida nos 10 maiores Portugueses e no Dr. Oliveira Salazar.
Por mim, e
ntendo esta votação mais como um protesto contra o estado das coisas como estão do que o povo português ser apologista de ideias fascizantes.


Dia da Árvore comemorado em Parada de Gonta

Comemoração do Dia da Árvore

 

Comemorou-se na Freguesia de Parada de Gonta o Dia da Árvore.
Com a presença do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Tondela, Dr. Carlos Marta, sua vereação Engª.  Carla Pires e Dr. José António, representante do Agrupamento de Escolas da Lajeosa do Dão, Drª. Teresa Carvalho, Sr. Presidente da Junta de Freguesia, Sr. Fernando Amaral, professores do 1º Ciclo e educadora do Jardim-de-Infância, auxiliares de educação e os alunos do 1º Ciclo e Jardim de Infância, comemorou-se este dia com a plantação de 2 árvores no Jardim de Infância e 1 no Jardim de Santa Ana.

Iniciou-se a cerimónia com a entrega por parte de uma menina do Jardim-de-Infância de uma enxada ao Sr. Presidente da Câmara, que não se fez rogado e plantou a 1ª árvore no recreio do Jardim-de-Infância, perante o aplauso dos mais pequenos que também ajudaram. Seguiu-se o Dr., José António com a 2ª árvore e finalmente a Eng.ª. Carla no Jardim de Santa Ana e perante os olhares dos alunos do 1º Ciclo que entretanto tinham chegado de assistir ao ciclo de fabricação do pão.

Pouco depois foi dado um pequeno lanche à base do que os alunos tinham aprendido no ciclo de fabricação do pão, só que neste, tinham incluído sardinha na cozedura dando a tradicional bola de sardinha que todos muito apreciaram.
Foi um convívio muito agradável entre todos e principalmente para as nossas crianças que além da comemoração do dia deram a conhecer o que tinham aprendido.

Foi um dia especial que serviu para sensibilizar as crianças para a preservação da árvore e da importância que ela tem para todos.

A Junta de Freguesia de Parada de Gonta agradece a todas as entidades presentes e especialmente às crianças que nos brindaram com a sua alegria.

Ver fotos da comemoração.

                  

Obs: Também tivemos o Sr. Presidente da Câmara Municipal de Tondela, Dr. Carlos Marta, numa brincadeira com as crianças entretendo-as num jogo que elas muito gostaram. Foi de tal forma que as crianças viveram o jogo que logo que este acabou, rodearam o seu professor dizendo que queriam mais.

 Ver vídeo do jogo

 


Dia do Pai!.

Eles não se esqueceram e tudo fizeram para dar uma lembrança no Dia do Pai. A tradicional camisa com uma mensagem dentro é a que eles gostam mais.
Escolhem o padrão a seu gosto e pintam-na.
Foi no 6º ano e aproveitou-se o tema para se lhes dar  a noção de Módulo que depois de repetido segundo uma certa sequência dá origem ao Padrão
.

VER MAIS PADRÕES

Dia do Pai

CARREGAR NA IMAGEM OU AQUI : http://fotos.sapo.pt/ag_silva/albuns/?aid=5&slideshow 

Os do 5º ano resolveram fazer outra lembrança.
Dentro de uma cana da india enrolaram um diploma com uma dedicatória ou poema para oferecer aos Pais.

Ver Vídeo


Na Rota do Pinóquio!..

Pinóquio II

Pinóquio é um aluno que vem de uma família desagregada que vive do rendimento de inserção social e nada quer da escola. (Ver historial do pinóquio).
Pinóquio diz a toda a gente que nada teme e os colegas que se cuidem. Se não lhe derem o que pede ameaça: “ vou-te dar cabo do focinho”. Mas Pinóquio nestes casos o que diz cumpre e da ameaça passa à agressão. Quantos pais se queixaram à escola que seus filhos têm medo das ameaças e agressões do Pinóquio? A escola responde que segundo os direitos universais das crianças é um aluno como os outros e sendo menor tem direito à escola não podendo ser expulso. Diz ainda, que se ele fosse para casa a escola teria lhe dado o aval para ele ser marginal e sentir-se-ia culpada por isso.
Pinóquio cresceu ao sabor do vento tendo como família os grupos que o ensinaram a desenrascar-se em certas situações. A sua aprendizagem continua a ser a da rua, e apesar dos seus treze anos, tem uma vida repleta de noites de álcool. Surripiar, mentir  e ameaçar é o que ele sabe melhor fazer. Já várias vezes foi alertada a GNR para certas situações, mas ele que não é nada incapacitado nas suas faculdades já se apercebeu que a GNR nada pode fazer por ser menor e vai continuando na sua caminhada sem regras e sem lei.

Várias instituições estão alertadas para o caso e vão tomando algumas medidas, mas quem tem que ficar com o Pinóquio é a escola faça ele o que fizer. Uma coisa é certa a escola é que tem o problema nas mãos e é à escola que compete fazer tudo por ele. Como o pinóquio não gosta das aulas e a escola já nada lhe diz, então, a própria em parceria com outras instituições colocou-o numa oficina  de reparação de bicicletas e motos (estágio), que antes de entrar dizia:  gostava muito de aprender mecânica de motos e ter aquele emprego. Tinha umas horas na oficina e depois tinha umas aulas de recuperação na escola. Foi sol de pouca dura, porque pinóquio é filho do vento e nada o impede de roubar, fazer asneiras ou de faltar ao respeito a qualquer um. Foi expulso!..
Mais uma vez o regresso à escola a tempo inteiro e mais uma vez os colegas vão andar em pânico com o que ele possa fazer.
Muitas questões se levantam num caso problemático como este! Até que ponto os direitos do pinóquio poderão sobrepor-se aos direitos dos outros alunos? Só porque é filho do vento tem o direito de molestar os outros? Que poderão os pais dos outros fazer num caso destes? Parece-me que nada podem fazer já que as outras instituições e com muita responsabilidade no caso também não têm solução para o problema. Enquanto é jovem e recuperável para a sociedade as instituições não dão resposta. Todas estão à espera que ele atinja a maioridade para se descartarem do caso e depois a solução aparecerá, mas todos estão a advinhar qual será!...
Assim a escola que deveria apetrechar todos os alunos com as melhores ferramentas para a vida activa, vai gastando seus recursos (quantas reuniões e quantos professores e instituições no caso) em pinóquios que vão infestando as escolas.

 


Recados da Escola!..10


Enviado por e-mail: Jorge Esperança

Como as coisas estão a ficar.. não será surpresa alguma,  ser este o futuro de qualquer professor português.
A escola vai de mal a pior e sem qualquer expetactiva de possíveis melhorias. O que se aconselha será a abertura para outros horizontes que nada têm a ver com educação/ensino que se ambicionava.Parece ser um objectivo desta equipa ministerial fazer desesperar a maioria dos  professores na esperança que eles se demitam.

O futuro esse já se advinha.. 


IRS através da Junta de Freguesia!.

Parada Gonta, como já o fez o ano passado, aderiu à entrega do modelo 3 IRS através da Junta de Freguesia.
A entrega da Declaração Modelo 3 de IRS só com Anexos A, H e/ou J poderá ser feita via Internet, de 10 de Março a 15 de Abril.Todo o cidadão que queira ou para quem não tenha Internet em casa poderá deslocar-se à Junta de Freguesia de Parada de Gonta, dentro do horário de funcionamento estabalecido e no Edificio dos Correios, nos dias úteis da semana , das 9 às 12h e das 14 às 17 horas.
Espera a Junta de Freguesia com esta medida contribuir para o bem-estar dos seus cidadãos. São pequenos passos que nos tornam maiores e nos ajudam a servir melhor todos os paradenses.

Declarações Electrónicas


Protocolo entre a CMT e a JFPG


Assinatura do protocolo

Protocolo entre a CMT e a JFPG

Foi assinado no dia 11 de Março de 2007, um protocolo de obras, entre a Câmara Municipal de Tondela e a Junta de Freguesia de Parada de Gonta, no valor de 20.000,00 € (vinte mil euros). A Câmara Municipal de Tondela, representada pelo seu Presidente Dr. Carlos Marta e sua Vereação, Dr. José António, Eng. António Dinis e Eng. Carla Pires, e a Junta de Freguesia de Parada de Gonta, representada pelo seu Presidente da Junta , Sr. Fenando Amaral e o Presidente da Assembleia de Freguesia, Sr. Luis Sá, constituiram a mesa de honra onde foi assinado o protocolo na presença de cerca de uma centena de pessoas que  assistiram ao acto.

Foi aberta a sessão com o sr. Presidente da Assembleia, Sr. Luis Sá, dando as boas-vindas a todos os presentes e agradecendo a presença do muito público neste evento, o que revela a mobilização das gentes paradenses para tais actos.

De seguida falou o Sr. Presidente da Junta de Freguesia, Sr. Fernando Amaral, que fez uma sintese das raízes da cultura paradense, nomeando filhos da terra que muito contribuiram para o engrandecimento e desenvolvimento da Parada de Gonta.

Por último, falou o Sr Presidente da Câmara Municipal de Tondela, agradecendo também aos presentes, descreveu depois que a CMT tudo faz para que as gentes do concelho fiquem satisfeitas com a CMT.Mesmo com os cortes governamentais a CMT traçou um rumo e nada alterará esse rumo de ajuda às freguesias do concelho, por isso, a sua presença neste acto de assinatura do protocolo no valor de 20.000,00€ (vinte mil euros) para com a Junta de Freguesia de Parada de Gonta.

Depois desta cerimónia foi a visita a locais da Freguesia onde as obras estão a ser realizadas e a outros locais onde existem projectos para novas obras.

Destaque para o Jardim de Santa Ana que está concluído como mostram as imagens, para o largo atrás da igreja onde está a ser criada uma rotunda com a pia dos mouros (lagareta) ao centro e para a requalificação da fonte (poça) velha com calcetamento da zona envolvente até à capela da Nª Srª da Conceição. São obras que fazem parte deste pacote e ficou a esperança de novas obras para conclusão e melhor enquadramento das actuais.

Depois da visita a certos locais de Parada de Gonta, foi o almoço oferecido pela Junta de Freguesia confeccionado e servido nas actuais instalações da ASSODREC, onde não faltou a boa disposição e camaradagem entre os presentes.

Acção de sensibilização

Durante a tarde e pelas 15.30 h, no mesmo local, foi realizada uma acção de sensibilização para prevenção de incêndios com o tema "Porque temos que proteger, antes de combater".
Mais uma vez estiveram presentes largas dezenas pessoas, que foram esclarecidas pelos técnicos da CMT e da CMDFCI, sobre a problemática dos incêndios. 
A sessão foi iniciada com o  Presidente da Junta de Freguesia  dando as boas vindas aos presentes, seguindo-se a Engª Carla Pires, que na qualidade de Vereadora do Pelouro da Protecção Civil e membro da CMDFCI (Comissão Municipal da Defesa da Floresta Contra Incêndios), apresentou o projecto, realçando o facto de, sendo a floresta um bem de todos tem que ser protegida por todos.
Seguiu-se a apresentação em power-point das várias situações e esclarecimento das mesmas pelo técnico Eng. João. Depois houve um interessante debate sobre várias situações que ocorreram e podem ocorrer. Como evitá-los é o mote que ficou..

Ver fotos de todo o evento


Apanhado!..

Este também foi apanhado..

Quem é que tira a foto a quem..já não é conhecido pelo garrafão na mão o tal Português inconfundível como lhe chamavam. Agora, acompanhando a nova era digital, muda o seu estilo e acompanha as novas tendências. De máquina digital a tiracolo, vai registando para contar as suas histórias. Aqui o português está numa rua de Parada de Gonta e a questão é: tirou uma foto incluindo-se nela ou alguém o apanhou com a máquina na mão? Só ele o pode dizer e o que vê também só ele pode contar mas que não foi apanhado com a boca na “botija???” disso tem ele a certeza.

Outra questão que se coloca é: será que o direito à privacidade da imagem é um direito protegido pela lei?

 

Pelo olho da máquina digital... votos de um bom fim-de-semana.

 


Dia Internacional da Mulher

Para elas....

São elas que nos inspiram,

São elas que nos conduzem,

São elas que nos orientam,

São elas que nos guiam.

São elas que nos acalmam,

São elas que nos aconselham,

São elas que nos afagam,

São elas que nos acariciam.

São elas que nos lisonjeiam,

São elas que nos apoiam,

São elas que nos dão a mão.

Por tudo isto e muito mais,

São elas a razão do nosso ser……

Do Agostinho

 

Ver na Wikipédia

 

 


Recados da minha terra(J.F.)!..6


                            Antes                                                                        Depois

Recados da minha terra!.

Parece e é mesmo o corte das pernadas ou a chamada poda de uma árvore. Foi a primeira vez que assisti muito de perto a uma assim. Não é simples e é preciso arte para o fazer. Foi preciso malabarismo para o conseguir tal era a altura da árvore mas que a partir de agora passa a ser mais simples devido à configuração com que ficou. Mais rasteira e menos perigosa que a podemos considerar, como está agora. Este é também um recado que fica dado a quem quis fazer crer que a Junta de Freguesia não ia fazer o desbaste das árvores e nem se entende porquê. Sempre esteve nos planos da Junta de Freguesia o desbaste de todas as árvores e o embelezamento da terra.

Domingo, dia 11 de Março, Parada de Gonta vai ser visitada pelo Presidente da Câmara Municipal de Tondela, Dr. Carlos Marta e sua vereação, pelas 11 horas, no edifício da Junta de Freguesia (actual ASSODREC), onde vai ser assinado um protocolo de trabalho entre a Junta de Freguesia de Parada de Gonta e a Câmara Municipal de Tondela.

Pelas 15 horas, haverá uma acção de sensibilização, dinamizada por técnicos da CMT, para a preservação da Floresta.

 


Recados da escola!..9

Mais uma versão proposta pelo ME para o concurso de Professores Titulares.

Nesta versão a 3ª, já foram contemplados no pacote de pontuações alguns cargos que tinham sido esquecidos pelo ME. Não falando nos outros, mas esquecer o cargo de Director de Turma que é considerado como um dos mais válidos e relevantes duma escola, é pura ignorância de quem fez a proposta.

Numa escola aberta à sociedade, numa escola promotora de relações entre encarregados de educação, professores, alunos e comunidade educativa, quem melhor posicionado que um Director de Turma?

O facto relevante desta 3ª versão, além da inclusão de alguns cargos, é a redução de 120 para 95 na pontuação limite para aprovação dos professores que estão no 10º escalão a Professores Titulares.

Ver proposta da 3ª versão a Professor Titular


28º Convívio do GT!..

28º Convívio do GT!..

O Grupo do Tacho realizou o seu 28 º convívio neste dia 03 de Março de 2007,na sede da Associação Desportiva Recreativa e Cultural de Parada de Gonta. O prato convidava a uma boa deglutição pois era um arroz de cabidela de coelho muito bem confeccionado no antigo bar restaurante do clube. Desta vez, tivemos a presença dos nossos conterrâneos Lourenço que veio da América e outro amigo de França que fizeram questão de confraternizar com o Grupo do Tacho antes da sua ida para os respectivos países. Numa altura em que as OPA (s) estão na moda mas que nada mudam no figurino do país, parece que esta gente brinca com milhões como se de tostões se tratasse, a discussão como tema nada trouxe de novo. Também é de registar o eclipse lunar que foi observado nesta noite do 28º convívio do Grupo do Tacho. Mais uma vez, foi um convívio agradável e animado como mandam as regras. 

Ver fotos do 28ºGT

Ver vídeo do 28ºGT

 


PARABÉNS!..


     Desenho a lápis de cor que vai ser transformado num acrílico s/ tela

Para ti Mãe e Esposa

São elas que me inspiram,

No utópico da imaginário.

São elas que me conduzem,

Por caminhos do não real.

São elas que me orientam,

Na arte do quimérico.

São elas que me guiam.

Nas entranhas do ilusório.

São elas que me acalmam,

Nos sonhos alucinados.

São elas a razão do meu ser……

Do Agostinho

Dedico à minha mulher que a 29 de Fevereiro faz anos. E à minha mãe que no dia 1 de Março também faz anos.Hoje comemoram o Aniversário..

 


Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.