Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

O Blog trata de brincadeiras artísticas, escola, paradadegonta e bisbilhotices. Costumo dizer "arte sem arte é uma nova forma de arte". Dizer o que vai na alma ..é sentir o que me rodeia. email: ag_silva@hotmail.com

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

O Blog trata de brincadeiras artísticas, escola, paradadegonta e bisbilhotices. Costumo dizer "arte sem arte é uma nova forma de arte". Dizer o que vai na alma ..é sentir o que me rodeia. email: ag_silva@hotmail.com

Bom Ano Novo


Acrilico s/tela com 65x55

 

Quadro feito para a entrada no ano de 2008 (Sem nome, alguém arrisca?). De realce um corpo feminino saÍndo do vulcão e por entre as brumas do além surge como salvadora de uma terra aquecida. Com cores fortes e luminosas e com a esperança de um ANO BOM vos saúdo e desejo um BOM ANO NOVO.

Ver outos trabalhos

Agora como passo a passagem do ano

Quando os meus amigos  perguntam como vou passar a passagem de ano, conto sempre a mesma história, ou seja, uma história que já vem da minha infância. Lembro-me de meus familiares em Penafiel, minha terra natal, se juntarem e fazerem a entrada do ano novo com uma canção. Apesar de estar noutro lugar em Parada de Gonta – Tondela, também vou mantendo com meus familiares daqui a mesma tradição, com a mesma canção e também de portas abertas faço uma homenagem ao Ano Novo. Sei que já existem alguns seguidores na zona de Viseu, porque é uma forma segura de comemorar a entrada no Ano Novo. Pelo menos não existe o problema dos excessos do... e das consequências que acarretam.

A história resume-se a juntar os familiares e quando chega a meia-noite do dia 31 de Dezembro, abrem-se as portas e janelas da casa e no ponto mais alto com uma garrafa de champanhe na mão brindamos a entrada do Ano Novo começando a cantar uma canção de boas-vindas que tem a seguinte letra:

 

               I
Vai-te embora ano velho ---refrão
Que és um grande macacão ---- refrão
O novo que vem agora ---refrão
Vai-me aumentar a ração. ----refrão
               II
Noz, arroz e bacalhau
Para isso já estamos
O pior é o açúcar
Que nem para isso ganhamos.
               III
Foste um ano duvidoso
E também muito poupado
Não me deste o totoloto
Nem sequer um rebuçado.  
              IV
Ano novo vem agora
Vem agora de mansinho
Traz contigo a boa sorte
Faz desta casa o teu ninho.
               V
O ano novo que chegou
Faz promessas de verdade
A todos nesta casa desejou
Paz, saúde e felicidade.

 

Sei que as duas primeiras quadras são originais (na segunda quadra nota-se que na altura o bacalhau era a comida dos menos abastados) as outras foram acrescentadas só para rimarem, mas o espírito da saudação ao ano novo mantém-se.

Se ficarem por casa não se esqueçam de saudar o novo Ano!

 

A todos os Bloguistas e a quem aqui passar desejo um  Feliz Ano Novo.

Cantar das Janeiras

Foi no Largos das Amoreiras, largo típico de Parada de Gonta onde se erguem casas de granito à sua volta, com suas fachadas e varandas feitas com degraus de granito viradas para o mesmo lugar, que o Rancho Folclórico organizou um encontro de Janeiras com os grupos de cantares de Penacova, Sabugosa, Pindelo dos Milagres e Parada de Gonta. Ao centro do largo encontrava-se uma fogueira onde as largas dezenas de pessoas se apinhavam à sua volta para ver este maravilhoso espectáculo de música popular de nossa região. Cada grupo se postava nos degraus de uma casa e lá do cimo brindava todos os espectadores com suas melodias. Foi um excelente Domingo que mais uma vez o Rancho Folclórico de Parada de Gonta brindou todos os habitantes. No final houve um repasto para todos que participaram neste evento e a entrega de galhardetes aos grupos que tiveram a amabilidade de vir até Parada de Gonta.

Em nome de do Rancho Folclórico de Parada de Gonta votos de  BOM ANO NOVO.

 

 

Ver fotos do evento

Ver vídeo dos cantares

 

31º Convívio do GT!..

 

Mais uma vez e a pedido de alguns paradenses emigrantes voltamos a Falorca – Silgueiros ao restaurante Martelo para comemorar o final do ano com o Grupo do Tacho e pela 31ª vez. Foram dezoito os elementos que compareceram à convocatória. Parece que o grupo voltou a ter vida pelo número de comensais que apareceram. Como das outras vezes houve animação e muita discussão sobre a actualidade de Parada de Gonta. Mais uma vez também tivemos com o Sr. do restaurante, conhecido por Sr. António Martelo, e recordou-nos que naquele restaurante já recebeu a maioria dos políticos deste país e que muitos deles lá deixaram a sua mensagem. Este restaurante é conhecido pela sua boa comida e também pelas mensagens que cada grupo pode deixar assinalando a sua passagem pelo restaurante. Forrado por centenas e centenas de mensagens que contam a história de quem lá passou, o Restaurante Martelo tem levado a todos cantos de Portugal os pratos tradicionais das gentes da nossa região.´

Quem quiser recordar os convívios do grupo do tacho é só carregar no link ao lado direito que diz Grupo do Tacho

Ver vídeo do Grupo nas provas de vinho

Ver fotos do Grupo

Balanço da J.F. de Parada de Gonta do ano 2007

Balanço do mandato no ano 2007

Realizou-se no dia 28 de Dezembro de 2007 a Assembleia de Freguesia de Parada de Gonta, na sede da ex-Junta de Freguesia pelas 20.30h.

Foram descritas as actividades realizadas pela Junta de Freguesia nestes últimos três meses e também foi aprovado o Orçamento para 2008 com as opções do Plano de Investimentos.

Para 2008 prevê-se a asfaltagem de algumas ruas e o calcetamento de zonas de requalificação por se enquadrarem nas consideradas zonas históricas da aldeia. Também está previsto a continuação do saneamento que ficou por acabar. Todos sabemos que a Junta de Freguesia de Parada de Gonta não tem fundos de receita para poder decidir e fazer por si só as obras de que necessita. Para isso precisa do apoio da Câmara Municipal de Tondela e tudo fazemos para o conseguir. Não venham dizer que a Junta de Freguesia não apresenta obra. Não é verdade, porque a obra apresentada é aquela que nos deixam fazer e não a que queremos fazer. Todos sabem também que esta só é feita com protocolos com a Câmara Municipal de Tondela, embora sejam apresentados vários projectos (necessidades) a Câmara é que escolhe qual ou quais a que dá apoio.

Não estamos parados e a razão de apresentarmos um orçamento com o dobro do orçamentado do ano 2007 só é possível porque concorremos a projectos de vária ordem. Não nos limitamos aos projectos que a câmara nos apoia, mas também  a outros de fundos estatais. Uns ganham-se como o “KIT de incêndios” e possivelmente outro de grande monta e outros perdem-se como possivelmente os que concorremos à Adices. Estes projectos levam o seu tempo e é preciso estar atento ao que se pede o que leva os três elementos da Junta de Freguesia a estarem constantemente em actividades e não só aquilo que o público vê. É de referir que estamos em regime pós-laboral, ou seja, os elementos da Junta de Freguesia têm o seu trabalho, a sua vida profissional e só depois é que vão para o serviço público da Junta, porque apesar de esta Junta de Freguesia ter cerca de 900 eleitores não tem ninguém a serviço permanente que possa tratar das papeladas, enquanto e segundo a lei 11/96 de 18 de Abril se a Junta de Freguesia tivesse mais de 1000 eleitores já teria direito a uma pessoa a serviço permanente a meio tempo. O trabalho é praticamente o mesmo, o tempo que temos para estes projectos e tratar das necessidades da Freguesia é que começa a não chegar.

Não se vai salientar o que foi feito nem o que falta fazer porque tudo já foi dito. Mas uma coisa não deixamos esquecer, o tratamento que esta Junta de Freguesia tem para com a população, no respeito e na igualdade. Tem atendido todos da mesma forma tentando resolver e solucionar da melhor maneira os seus problemas, umas vezes com a colaboração da CMT (Câmara Municipal de Tondela) e maioria das vezes através do diálogo e  entendimento entre as partes. Também de positivo foi o apoio às escolas, nomeadamente, através das refeições aos alunos e transportes dos mesmos para estas e para escola e ainda melhoramentos e arranjos nas instalações escolares.

Também se melhorou e embelezou o cemitério com melhor acessibilidade à água para limpeza das campas e ainda foram feitos outros melhoramentos e acatadas novas regras de utilização dos utensílios. Uma coisa é certa, pode-se considerar Parada de Gonta como uma terra limpa e asseada tendo para isso a Junta de Freguesia recorrido ao Centro de Emprego para contratualização de pessoal e também recorrido a pessoal especializado da terra.

Em nome da Junta de Freguesia de Parada de Gonta, desejo a todos os Paradenses residentes e emigrantes umas BOAS ENTRADAS NO ANO DE 2008.

Em nome pessoal a todos os bloguistas que aqui passam desejo BOAS ENTRADAS NO ANO DE 2008.

Ceia de Natal - Escola - 2007


Ceia de Natal na EB 2,3 Prof. Mota Pinto.

No dia 19 de Dezembro de 2007 e como já vem sendo costume na EB 2,3 Prof. Mota Pinto ao longo dos anos, realizou-se a tradicional Ceia de Natal, que juntou professores, funcionários, familiares e convidados.

         A entrada da escola estava decorada com luzes de várias cores encenando figuras natalícias a condizer com a época que os alunos fizeram em Educação Tecnológica, como que a chamar os visitantes a convidá-los a participar na Ceia de Natal. Logo no 1º Hall de entrada, os participantes na ceia, deparavam com uma árvore em tons avermelhados excelentemente decorada nas aulas de Educação Visual. No 2º hall tinha uma decoração natalícia, feita pelos professores e alunos de Educação Visual e Tecnológica, em que os motivos de natal (pais natais e árvores de natal) se desprendiam do tecto como que estrelas a anunciar o presépio que iam encontrar mais à frente e muito bem construído à base de materiais recicláveis com as três figuras míticas S.José, Menino Jesus e Nª senhora (até o burro lá figurava).

         Mais à frente  encontrava-se  uma mesinha com aperitivos e por cima um placar onde se lia FELIZ NATAL. Quando se entra na sala que ia ser o convívio desta ceia, os visitantes encontraram uma sala muito bem decorada em tons de vermelho e dourado, que os colegas “encarregados da decoração” quiseram brindar os visitantes.

Passando à ceia, pode-se dizer que foi um convívio excelente, com amizade e alegria propícia da época, entrando pela noite dentro com música (da casa) e cantores também da casa.

Também houve a tradicional troca de prendas e o Pai Natal para os mais pequenos, que não se esqueceu deles porque se portaram muito bem, segundo eles, e trouxe um saco cheio de prendas, enchendo o seu coração de felicidade.

O Agrupamento de Escolas da Lajeosa do Dão deseja aos professores, encarregados de educação, alunos, funcionários e a todos em geral FELIZ NATAL E UM PRÓSPERO ANO NOVO.

Ver mais fotos da Ceia

Ceia de Natal - JF Parada de Gonta.2007

Realizou-se no dia 15 de Dezembro de 2007, a Ceia de Natal da Junta de Freguesia de Parada de Gonta, com a colaboração das Associações Paradenses (ADRC de Parada de Gonta, ACR “Os Amigos”, Rancho Folclórico, Clube Caça e Pesca e ASSODREC).

Compareceram à Ceia de Natal mais de uma centena de pessoas para um bem animado repasto com o tradicional prato português “batatas com bacalhau” bem apaladado com o azeite da zona e para regar as gargantas o vinho suave, melodioso e muito saboroso da terra.

Foi uma ceia muito animada, onde não faltou a boa disposição, alegria, convívio, amizade e teve a animação do grupo de cantares “Terras de Tomás Ribeiro”, com os seus cantares suaves e melodiosos de letras e poemas da região. Com as gargantas já bem recheadas do bom néctar da terra houve quem se aventurasse num pezinho de dança.

Por fim, houve o discurso pelo presidente da Junta de Freguesia de Parada de Gonta, onde se destaca o agradecimento a todos que participaram nesta ceia de Natal, desejando-lhes um Feliz Natal, o agradecimento às Associações pela sua colaboração e um repto ao Rancho Folclórico de Parada de Gonta, porque qualidade não lhes falta, para que lance o seu 1º disco que a Junta de Freguesia de Parada de Gonta dará todo o seu apoio.

O balanço deste mandato far-se-á na Assembleia da Junta de Freguesia dia 28 de Dezembro.

Em nome da Junta de Freguesia de Parada de Gonta, muito obrigado a todos e desejos de um FELIZ NATAL E UM BOM ANO NOVO

Ver fotos e animação da ceia de natal

Árvores de Natal..1 - uma árvore por cada dia.

 

Foi lançado um desafio às escolas e turmas que fazem parte do Agrupamento de Escolas da Lajeosa do Dão:

1- Participar num concurso de árvores de natal;

2- As árvores serem feitas de materiais reutilizáveis e recicláveis;

3-Que tenham uma memória descritiva "como se fazem?";

4-Apela-se à criatividade e originalidade.

 

As árvores  ficarão expostas no 3º hall de entrada para poderem ser vistas pelos encarregados de educação e toda a comunidade educativa, servindo como complemento da decoração de natal.

 

1ª Árvore de Natal - Biblioteca

Construção com livros da biblioteca fazendo um apelo de sensibilização à leitura para toda a comunidade escolar.

 

 Para ti aluno, participa..vamos encher a nossa escola com árvores de natal.

PRESÉPIO

 

 

Presépio da EB 2,3 Prof. Mota Pinto - Lajeosa do Dão

 

Construção à base de papel de seda e papel de saco das rações.

Tem como fundo uma pintura em papel cenário com umas estrelas e uns enfeites de cedros caíndo do tecto.

Olhares sobre a Floresta


Acrílico s/tela de 30x40

Como pessoa sensibilizada para os problemas do ambiente e pertencendo a um clube da floresta, Clube Verde Pinho – Prosepe, partilho da ideia daqueles que defendem que a floresta é um bem comum.

Este quadro de acrílico sobre tela de 30x40, com o tema “Olhares sobre a Floresta” insere-se nesse movimento e vai ser oferecido à coordenadora do Prosepe da EB 2,3 Prof. Mota Pinto, que tem lutado para que o Clube da Floresta Verde Pinho seja uma realidade.

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.