Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

15º ano.jpg

1º dia de Férias em Lamego!

Lamego.jpg

(carregar na foto) (76 fotos)

Como todos os anos o faço, quase sempre, o meu 1º dia de férias costuma ser em Lamego. Gosto de calcorrear aquela cidade, subir as escadas e depois descer e degustar o meu prato preferido cabrito no forno. Lamego é para mim uma cidade muita linda com uma boa gastronomia e sitios ótimos para diversão. Fomos como sempre ver o museu de Lamego que acho espetacular em obras de arte de outros tempos e finalmente passar por um café/pastelaria para trazer as famosas bolas de lamego e partilhá-las com os amigos e familiares.

 


Comemoração das Bodas de Prata do Lino e Lurdes Leal-Fim de semana da borga!-

Lino e Lurdes.jpg

(carregar na foto)

O Lino e a Lurdes comemoraram as Bodas de Prata, 25 anos de casados, com uma boda à antiga. Foi um sábado e um domingo sempre a bombar! Como dizem foi uma festa de arromba, dizem os mais entendidos porque teve de tudo. Desde a benção do Padre recriando a cena de há 25 anos, as meninas das alianças, agora com outra idade e as mesmas promessas do Lino para a esposa, não se vai dizer o que ele disse mas ficou gravado em vídeo, e por fim os  familiares e amigos da altura com os amigos atuais dos fins de semana. Foi divertido e espera-se mais para daqui a vinte e cinco anos.

Parabéns e Felicidades!

Registos no faceboook:


Morte da floresta! Chuva a prevenção mais eficaz..

Morte da Floresta! Chuva, a prevenção mais eficaz!....jpg

Alerta e denúncia dos atos criminosos sobre a floresta numa pintura digital.

Série de 6 pinturas digitais sobre a semana que passou! Numa semana quente onde abundaram os incêndios com muitos prejuizos materiais, humanos e ambientais, nada foi aprendido com os acontecimentos dos 2 últimos anos sobre os incêndios. Falou-se muito em prevenção, fizeram-se muitos simulacros e foi gasto tanto dinheiro em materiais de combate a incêndio como as avionetas e de prevenção como os famossos Kits de incêndio e o que vemos é que os incêndios quando aparecem galgam florestas, terrenos, habitaçõese, vidas humanas e ninguém os pára.

Só a chuva é que é o principal aliado da floresta e o principal inimigo do fogo. Sem chuva de que vale tanta ladaínha de tantos estudiosos e conhecedores do fogo.

(rodar para ver)

Registo no facebook:


Terra - para onde vais?

Ambiente.jpg

Desenho e pintura a aguarela s/ papel com a preocupação que merece uma reflexão por parte da população mundial sobre o que vai acontecer ao Planeta Terra?

Segundo os especialistas mesmo que se cumpra o acordo de Paris sobre alterações climáticas num futuro muito próximo vamos ter uma subida das águas de 3 cm. 

É tempo de pararmos, refletir  sobre este tema, fazermos o que pudermos para evitar este drama do planeta terra com as mudanças climáticas e o aquecimento global que afetarão toda a população mundial. 

O que nós fizermos hoje, será no futuro, o nosso legado para a sobrevivência da terra...

Preocupações de António Guterres , fonte expresso.


Educação - escolas em constante stress!

Não há nervos que aguentem tanto excesso de legislação sobre a educação!

São as reposições, as progressões e tantos trambolhões que se dão até se entender o que querem! Quem precisa ser avaliado, quem pode ir buscar a formação anterior, que tipo de formação se pode ir buscar, quem já a usou não pode, porque é que estou a ser ultrapassado por outro que estava atrás de mim, são perguntas que muitas vezes não existem respostas por parte das direções e dos serviços administrativos. A legislação é tão confusa que é preciso um bom decifrador para entendê-la. Também digo que as direções deviam ter um gabinete juridico para que possa esmiuçar a legislação.

Flexibilidade curricular onde vai caber? São reuniões e mais reuniões e as conclusões não são nada animadoras. São mais os amuos entre colegas de grupos diferentes do que o que realmente se pretende. Tanta energia gasta em discussões que nada trazem de proveito. Até aqui se precisava dum gabinete juridico para se entender o que se pretende com autonomia e flexibilidade curricular. Como se podem manter os programas disciplinatres tão extensos e em simultâneo com estas brincadeiras aos projetos que não cabem em nenhum lado. Alguém sabe por acaso o que vai dar na sua disciplina no próximo ano? E os exames finais como ficam?

Falando nos manuais escolares gratuitos a todo o ensino básico e secundário, muito bem, mas a sua reutilização é que preocupa! Diz a lei que o manual tem que ser entregue em bom estado para poder servir novamente. O que preocupa é que os manuais do 1º ciclo mesmo que os alunos tenham cuidado é-lhes pedido que façam os exercicios no manual e até que sejam pintados. Aquando da sua entrega os enc. de educação diziam que os seus educandos não podiam ser penalizados por fazerem os exercicios que lhes eram pedidos. Pode um manual destes servir a outro colega? Claro que não, foi a posição também da direção e todos os manuais que estavam escritos, mesmo a lápis, que, por mais que se apaguem ficam sempre as marcações ou muito sujos, e assim foram colocados na plataforma como não reutilizáveis. Só que agora os alunos não podem usufruir do manual porque está inibido. Quem defende a posição tomada! Talvez um gabinete juridico resolvesse o assunto.

ICL a barafunda das barafundas! Lendo a legislação até parece fácil! Todos que não tenham pelo menos 6 horas letivas têm que ser indicados na plataforma como não tendo CL. São tantos os casos diferentes que nas 2 notas informativas do DGAE uma para os diretores do dia 11 de julho e outra para os candidatos no dia 16 de julho, cruzando-as verifica-se umas incongruências entre elas e aqui também um gabinete juridico poderia ajudar na interpretação.

Exemplo: Um QA/QE/QZP que obteve colocação por mobilidade por doença para 2019/2020, estamos a falar do ano que vem, porque há-de um diretor dizer na plataforma que não tem componente letiva se já se sabe que ele não fica na escola! Ao indicar este sem CL o colega que está a seguir também se vai ter de dizer o mesmo e assim sucessivamente.

De outra forma um QA/QE/QZP que obteve colocação por mobilidade por doença para 2019/2020 e até tem componente letiva na sua escola de provimento, porque há-de dizer um diretor na plataforma que não tem componente letiva se é mentira! Note-se que isto é feito sob juramento do diretor. Alguma coisa está errada! Um gabinete juridico também ajudava e de que maneira.

E as plataformas que é preciso preencher para os vários gabinetes ministeriais e não estou a falar só nas da educação.

Só um gabinete juridico nas escolas poderia ajudar a acabar com esta stressada.

Um pequeno desabafo dum dia cheio de peripécias..

Bisbilhotices


Aniversário do Sr. Gaspar - 86 anos.

gaspar (1).jpg

(carregar na imagem)

Comemorou-se no dia 16 de julho num restaurante em Lousada o aniversário do Sr. Gaspar a sua 86ª primavera.

Juntou toda a sua familia, esposa, filhos e netos, á exceção duma neta que reside na Suiça, e comemorou com muita algria e felicidade o seu 86º aniversário. Cantaram-se os parabéns e desejou-se saúde, amor e alegria para que possa comemorar o próximo. 

Parabéns Pai!..

registos no facebook


ICL 1 (Indicação da Componente Letiva) – 2019 – A “sofredora”

A minha bisbilhotada vai para a ICL 1 que termina hoje, dia 15 de julho pelas 18 horas, de acordo com nota informativa, o denominado prazo para indicação da componente letiva (ICL), por parte dos diretores, na plataforma do SIGRHE, e vai decorrer de 16 a 22 de julho, para os mesmos professores do QA/QE/QZP a  manifestação de preferências relativas à Mobilidade Interna. A quem não for atribuída componente letiva com um mínimo de 6 horas será informado para concorrer à Mobilidade Interna. Muitos destes professores (26 a 31 de julho) ainda serão repescados através da ICL 2 e serão novamente integrados na mesma escola/agrupamento.

A aprovação de novas turmas, (muitas ainda não foram aprovadas na rede escolar), destacamentos à espera de autorização, projetos por autorizar, tutorias por aprovar, apoios a quem tem dificuldades, coordenação de departamentos e projetos, delegados de disciplinas ou grupos, PNPSE e muitas outras coisas são causas que fazem com que este processo não esteja finalizado e denominado a sofredora. Costuma-se chamar à ICL  “ sofredora” por indiciar muita gente e fazê-la sofrer para depois se retroceder e voltar a chamar.

Já sabem quando tiver um email (amanhã) ou o telefone tocar em nome da escola têm que concorrer à MI.

Aos professores do QA/QE/QZP a quem não foi possível atribuir 6 horas de componente letiva, deixam-se algumas dicas relevantes a seguir:

  1. a) Confirmar sempre o tempo de serviçoque irão utilizar no concurso.
  2. b) Organizar com alguma antecedência a ordem da vossa manifestação de preferências.
  3. c) Aquando da manifestação de preferências prestem especial atenção, não só à distância (em quilómetros e em tempo) calculada com recurso ao Googlemaps (ou a outro dos múltiplos recursos virtuais ao nosso dispor), à localização "pura e dura"(e aqui se destaca o mapa que foi desenvolvido pelo "Blog de Ar Lindo" - aqui), e atualmente aqui, mas também à qualidade das estradas e à possibilidade de boleias;
  4. d) Relevante ainda será considerar alguns comentários de colegas que conheçam pessoalmente mas que são exímios na  contrainformação e dizem mal das escolas que se encontram dentro das vossas preferências, pois não se esqueçam que as opiniões e até os gostos são subjetivos;
  5. e) Não sofram por antecipação, pois independentemente de saberem o que já aconteceu em anos anteriores, supostamente sobre situações menos claras, nada vos garante que o mesmo suceda neste concurso; 
  6. f) Como a fase de candidatura pode coincidir (e certamente que corresponderá com muitos) com o início do vosso período de férias "fora de casa", é melhor acautelarem  a possibilidade de recurso a internet móvel ou a wireless.

Espera-se que este post ajude a lembrar o que poderá ainda ser preciso fazer.

LLLLLLLL.png

Bisbilhotices


MANUAIS ESCOLARES ADOTADOS NO AETCF PARA 2019/2020

MANUAIS NA PÁGINA.png

Lista dos manuais escolares adotados para o ano letivo de 2019/2020 nas escolas do Agrupamento de Escolas de Tondela Cândido Figueiredo.

Carregar nos links: 

Documento PDF MANUAIS ADOTADOS AETCF 2019.20.pdf
Documento PDF MANUAIS ADOTADOS CURSOS PROFISSIONAIS 2019.20.pdf 

Obs: A emissão de vouchers dos Manuais Escolares na plataforma está com problemas.

-----------------------------------

Para quem não está registado na Plataforma MEGA fica o vídeo com os procedimentos:

Parceria com o Jornal Online Pingos Online

 


A loucura das grelhas!

É mesmo de loucos! São tantos os papeis que se produzem com grelhas e mais grelhas e ainda mais grelhas numa escola que é de deixar qualquer cabeça roda.

As grelhas que se produzem de acordo com os decretos Lei 54 e 55 só para que os alunos não reprovem é mesmo uma loucura.

São medidas e mais medidas que quando não são seletivas são adicionais e adicionam-se cada vez mais até se adequar à passagem do aluno. Um aluno que não trabalhe, não estude e até pode ser mal educado pode continuar a ser como é porque haverá sempre medidas ao seu perfil de transição.

O que é preciso é que haja registos destas medidas adquadas ao perfil de cada aluno. É o tapete de passagem aos maus alunos. Para isto se produz resmas de grelhas.

Agora a flexibilização do curriculo, mais uma dor de cabeça com reuniões e mais reuniões que produzem grelhas e mais grelhas para se conseguir introduzir as diretivas do decreto lei sobre a flexibilização. Diria que é quase impossivel fazer uma matriz que possa satisfazer os vários grupos disciplinares para arranjar horas conjuntas nas DAC.

Dentro da flexibilização teremos os projetos que serão precisos elaborar e para isso mais reuniões e mais produção de grelhas.

Uma escola em pleno século da era digital, cada vez mais, produz registos em papel, nomeadamente: planos curriculares, projetos de turma, atas de grupo, atas de departamento, atas de conselhos de turma, atas do pedagógico, atas do conselho geral, projetos NAC, planificações de disciplina que podem ser diárias, trimestrais ou anuais, relatórios dos conselhos de turma, relatórios das atividades da turma, relatório de tutorias, relatório das salas de estudo, relatórios dos clubes, grelhas de avaliação, grelhas de observação, grelhas de autoavaliação, critérios de avaliação, PITs, PAPIEs, PAA, projeto educativo, relatório  do paa, regimento interno e cada vez mais produção em papel e se consome cada vez mais papel com repercurssões na qualidade ambiental. Quanto mais a sociedade avança na era digital, nas tecnologias, a escola caminha em sentido contrário e a facilidade com que as tecnologias trazem na produção de documentos, cada vez mais as escolas os aplicam em papel.

Isto é mesmo de loucos e não esquecer  as plataformas que as escolas têm que preencher durante o ano e que muitas vezes são registadas em papel.

É mesmo uma loucura!..

Bisbilhotada


Pág. 1/2