Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Foram ao meu bolso!..

 

Creio que muitos portugueses desconhecem, assim como eu desconhecia e se a comunicação social sabe, é grave, porque não informa os portugueses.
No passado Sábado, dia 9 de Outubro, dirigi-me à loja do cidadão em Viseu para comprar o chip electrónico, por causa do meu filho que estuda na Universidade de Aveiro. Como o carro não está em nome dele, não tem direito àquela isenção de 10 passagens e embora tenha residência em Aveiro, não pode usufruir dessa isenção. Começa aqui o ridículo da situação. Se o carro estivesse em nome dele, usufruía dessa isenção, mas que raio de principio! Se ele é estudante como é que ganha para ter um carro em nome dele! Ridículo!..

Podem sempre dizer como o governo diz quando quer tirar a água do capote. Tem alternativas? Vai de transporte público! Isso é que era bom? Transportes das aldeias para as cidades, não funcionam. Seria muito difícil o rapaz vir o fim-de-semana de Aveiro a Parada de Gonta e por isso a opção num carro já entradote.

Continuando, nesse mesmo Sábado, não foi possível comprar o dispositivo electrónico, porque havia uma avaria no sistema informático e como não há hipótese de fazer isto durante a semana, porque sou um comum cidadão e as minhas horas de trabalho parecem que coincidem com estes locais onde se pode comprar o dispositivo, pensei, lá vai o filhote apanhar umas multas de 0,30€ além do pagamento das portagens, até a situação da compra do chip estar resolvida.

Hoje, Sábado, dia 23 de Outubro, dirigi-me novamente à loja do Cidadão em Viseu e qual o meu espanto quando a funcionária me diz, que está tudo sinalizado no meu nome as passagens que o carro já teve pelas portagens (entrada e saída de Aveiro são várias as portagens) e se eu queria pagar com a referido acréscimo ou multa como lhe queiram chamar.
Respondi que julgava que avisavam para casa quando se tinha que ir pagar embora soubesse que ia fazer com multa de 0,30€ por cada passagem. Diz-me a senhora, não, não, quando isso acontecer já leva uma coima de 25€ por cada vez que lá tenha passado. E explicou-me o que eu não sabia e como eu, a outros que lá estavam: Até aos 5 dias úteis por cada passagem, poderão pagar com multa de 0,30€, mas não são avisados para isso e creio que muita gente inocentemente ainda está à espera de ser avisada para pagar julgando que a multa é de 0,30€ por cada passagem.

Aqui falha a Comunicação Social que o seu papel devia ser informar acautelando muitos milhares de pessoas para o que vai acontecer.

Outra, lembram-se quando da discussão dos chips se estes deviam ser obrigatórios ou não? Pois nessa altura falava-se que os chips, se fossem obrigatórios, o seu valor era abatido conforme as portagens.

Agora podem não ser obrigatórios, todos têm a liberdade de escolha, o seu valor é de 27€ sem abatimentos nas portagens, mas quem não os comprar sujeita-se a ter que andar a pagar as passagens sabendo a trabalheira que isso dá e se por algum motivo não o consegue fazer apanha com uma coima, que o leva a pensar..mas que raio de liberdade é esta!

Alerto que são 25€ de coima quando forem avisados para pagar por cada passagem.

Mais vale prevenir...não vá o diabo tecê-las.

 

"Arte por um Canudo 2"


Logo (1).jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.