Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Protecção Civil mostra-se na Escola

Protecção Civil mostra-se às escolas e alerta alunos para vários perigos
Ao toque da sirene de emergência, alunos, professores e funcionários da Escola Básica 2,3 Dr. Mota Pinto, na Lajeosa do Dão, concelho de Tondela, concentraram-se junto ao gimnodesportivo para integrarem um simulacro de incêndio, seguido de evacuação.
A combater o 'incêndio', que deflagrou nos balneários, estiveram os bombeiros de Tondela, auxiliados pela secção da Lajeosa do Dão, que extinguiram as chamas e ainda fizeram uma evacuação de um aluno que tinha ficado 'encurralado' nos balneários, a quem foi prestada a devida assistência.
A iniciativa foi promovida pela Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) que, em colaboração com o Governo Civil de Viseu, realizou acções de sensibilização sobre diversos temas e deu a conhecer aos mais novos os meios existentes no distrito para garantir a segurança da população.
Assim, além de sessões teóricas sobre a evolução da sinistralidade no país e no distrito, os alunos foram sensibilizados para alguns comportamentos que devem ter para evitar situações de risco, como por exemplo, a utilização do cinto de segurança, atenção a atravessar passadeiras e saídas dos autocarros.
A ANPC também deu a conhecer o Sistema Nacional de Protecção Civil, ou seja, quais os agentes e o papel de cada um deles, o que significa protecção civil e consciencializou os alunos sobre os perigos a que estão sujeitos.

Sessões práticas e teóricas
Estas acções inserem-se no plano de actividades da ANPC, que optou por concentrar no mesmo dia acções teóricas e situações mais práticas. Na parte mais prática, além do simulacro, os alunos tiveram a oportunidade de ver as viaturas e o material utilizados na protecção e socorro das pessoas.
Da exposição de viaturas fizeram parte uma carrinha da Protecção Civil, utilizada para comandar as operações quando há grandes incêndios, duas viaturas do Grupo de Intervenção de Protecção e Socorro (GIPS) com o respectivo equipamento, carros da Brigada de Trânsito e da Guarda Nacional Republicana (GNR) e uma moto também da GNR. A parte prática foi a mais empolgante para os alunos, pois puderam contactar com os veículos e entrar em alguns, socializar com um cão labrador utilizado em buscas, fazer um teste de alcoolemia e equiparem-se a rigor com colete à prova de bala (com sete quilogramas de peso), capacete, escudo e bastão.
A ANPC tem mais três sessões deste género agendadas para o distrito, mas a entidade está disponível para fazer acções mais específicas nas escolas que assim o desejarem.  

 

 

Reportagem feita por Catarina Tomás Ferreira do Diário  de Viseu


Logo (1).jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.