Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

A quem andam a enganar?

Sempre fui cauteloso quando ouvia o primeiro-ministro dizer certas coisas e depois não se confirmavam, chegando até acreditar que o Engº Sócrates tinha uma obsessão para dizer o que todos os outros contrariavam.
Mas se muito se denegriu a sua pessoa quando as coisas não saíam conforme ele acreditava, é bom que se lhe dê valor quando acerta nas previsões de melhoria para Portugal contra as maiores cabeças pensantes do mundo da economia.

“Portugal cresceu 0,4 por cento no terceiro trimestre face aos três meses anteriores e 1,5 por cento face ao período homólogo, segundo a Estimativa Rápida do Produto Interno Bruto (PIB) divulgada hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (INE”.

“O Ministério das Finanças já garantiu que os números do crescimento da economia no terceiro trimestre "reforçam a justeza da revisão em alta do crescimento apresentada pelo Governo".

Bem.. se isto se confirmar no 4º e último trimestre, quer dizer que todos os analistas, economistas e outros istas, portugueses e estrangeiros se enganaram e só José Sócrates e o seu Governo é que tinham razão!.

Ninguém acerta nas previsões para Portugal e a grande maioria dos economistas de renome nacional e internacional visionaram uma descida no crescimento da economia portuguesa. Todos erraram e só José Sócrates contra tudo e todos, esgrimiu as suas armas contrapondo as teorias derrotistas, e os dados actuais do INE parecem confirmar a sua visão, dando-lhe razão vencendo esta primeira etapa.

Quando os economistas, nomeadamente portugueses, parece que não ficaram contentes com dados positivos da economia Portuguesa, são chamados a analisar a situação, começam por gaguejar e dizer que estes ainda não são dados fiáveis e que não podemos supor que vai haver crescimento do PIB.

Pois é..mas quem paga é o Zé Mexilhão que esgravata, esgravata e sempre debaixo da pata.

Para Portugal, foi um engano terrível que muitos se estão aproveitar, nomeadamente essas empresas de “rating” que se baseiam na especulação e na mentira para fazer a sua avaliação e castigar os países mais débeis, lucrando muitos milhões com isso.

Para uma Alemanha que em vez de proteger os países do euro, como uma boa irmã, quando propõe medidas é sempre um descalabro e quem paga são aqueles que apesar de terem razão não têm voz que chegue para impor o seu valor.

Quando as economias do euro deviam ser solidárias com as suas parceiras para que juntas consigam fazer frente a outras economias poderosas, vem sempre ao de cima o espírito do predador, acabando os mais fracos por serem comidos pelos mais fortes.

É o mundo dos Pinóquios  “fala-barato” com análises de algibeira e do desenrasca sem olhar a dente.

Desta vez estou do teu lado José Sócrates…

 

Obs: O "rating" é uma opinião sobre a capacidade de um país ou uma empresa saldar seus compromissos financeiros.

 

"Arte por um Canudo 2"


Logo (1).jpg

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.