Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

15º ano.jpg

A loucura das grelhas!

É mesmo de loucos! São tantos os papeis que se produzem com grelhas e mais grelhas e ainda mais grelhas numa escola que é de deixar qualquer cabeça roda.

As grelhas que se produzem de acordo com os decretos Lei 54 e 55 só para que os alunos não reprovem é mesmo uma loucura.

São medidas e mais medidas que quando não são seletivas são adicionais e adicionam-se cada vez mais até se adequar à passagem do aluno. Um aluno que não trabalhe, não estude e até pode ser mal educado pode continuar a ser como é porque haverá sempre medidas ao seu perfil de transição.

O que é preciso é que haja registos destas medidas adquadas ao perfil de cada aluno. É o tapete de passagem aos maus alunos. Para isto se produz resmas de grelhas.

Agora a flexibilização do curriculo, mais uma dor de cabeça com reuniões e mais reuniões que produzem grelhas e mais grelhas para se conseguir introduzir as diretivas do decreto lei sobre a flexibilização. Diria que é quase impossivel fazer uma matriz que possa satisfazer os vários grupos disciplinares para arranjar horas conjuntas nas DAC.

Dentro da flexibilização teremos os projetos que serão precisos elaborar e para isso mais reuniões e mais produção de grelhas.

Uma escola em pleno século da era digital, cada vez mais, produz registos em papel, nomeadamente: planos curriculares, projetos de turma, atas de grupo, atas de departamento, atas de conselhos de turma, atas do pedagógico, atas do conselho geral, projetos NAC, planificações de disciplina que podem ser diárias, trimestrais ou anuais, relatórios dos conselhos de turma, relatórios das atividades da turma, relatório de tutorias, relatório das salas de estudo, relatórios dos clubes, grelhas de avaliação, grelhas de observação, grelhas de autoavaliação, critérios de avaliação, PITs, PAPIEs, PAA, projeto educativo, relatório  do paa, regimento interno e cada vez mais produção em papel e se consome cada vez mais papel com repercurssões na qualidade ambiental. Quanto mais a sociedade avança na era digital, nas tecnologias, a escola caminha em sentido contrário e a facilidade com que as tecnologias trazem na produção de documentos, cada vez mais as escolas os aplicam em papel.

Isto é mesmo de loucos e não esquecer  as plataformas que as escolas têm que preencher durante o ano e que muitas vezes são registadas em papel.

É mesmo uma loucura!..

Bisbilhotada