Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

15º ano.jpg

Arte e Tradicões.

ovo1.jpg
        Em Portugal, já há muito que os ovos, tingidos ou não, pertencem à nossa tradição, principalmente naquela que está ligada ao cortejo do «Compasso», que ainda continua «vivo» em muitas regiões do Norte e Centro do País. O padre percorre as freguesias, visitando os paroquianos e levando-lhes a "Boa Nova" e a bênção pascal. Como retribuição, é-lhe oferecido o famoso folar e também as «ofertas brancas», ou seja, os ovos. Estes tanto se podem apresentar ao natural como tingidos e/ou ornamentados com inscrições e desenhos especiais para a festa em causa. A principio, o tingimento era feito com uma tintura à base de fervura em casca de cebola e outras infusões, como por exemplo: flores de lírio para a cor roxa; beterraba para a púrpura; flores de tojo para o amarelo; folhas de hera e trevo para obter uma cor verde. Actualmente, existem verdadeiras obras de arte na pintura de ovos.

3 comentários

Comentar post