Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação a minha paixão! Arte sem Arte é uma outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Desabafo de alguém que está a ficar stressado!!

Dias do catano/caraças é o que se pode dizer da confusão que é com o inicio das aulas ou regresso à escola para os alunos. É demais! Faltam assistentes operacionais para cobrir as necessidades da escola, são menos que o ano passado e ninguém veio substituir os que se foram embora. Os alunos têm os mesmos tempos na escola com a agravante de ter mais buracos no horários das turmas e para não se chamar intervalos grandes, encurtam-se. É o que dizem as regras da DGS.   Mas para contornar esta situação e para não se chamar furos colocam-se  estes tempos livres no intervalo das refeições e ficam com 3 horas para o almoço.  Também como não têm transporte à hora do almoço ficam na escola e vão para o  espaço que lhes foi atribuido como grupo turma, sem internet, sem bancos para se sentarem e sem poderem brincar. Para complicar as coisas faltam alguns professores a certas disciplinas ou por estarem  a faltar com doença ou porque ainda não foram colocados, o que agrava a situação.

Conclusão que se pode tirar é que apesar das recomendações da DGS e do ME com aquelas regras do distanciamento entre alunos não se consegue, e por melhor que as escolas façam, estão sempre dependentes de fatores externos  como sejam as Autarquias / Camaras Municipais onde a escola se insere. Quando a autarquia diz que só fornecem  transportes escolares de manhã e à tardinha o que é que se pode fazer com os horários dos alunos? Se os alunos têm que ficar na escola de manhã à noite como se podem condensar horários para os alunos estarem o menos tempo na escola? É uma treta!

O que eu vi hoje foram alunos muito exautos, sem qualquer alegria  a pedir se podiam ir para um ou outro lado porque já estavam cansados de estar no lugar que lhes foi atribuido. Como  algumas disciplinas não tiveram professor alguns  alunos ficaram 4 horas sem aulas e quase sem se poderem mexer porque as regras que foram estabelecidas são para cumprir. E se nas regras está estabelelecido que eles funcionam como grupo turma, a tal chamada bolha, não podem saír do seu grupo a não ser acompanhados por asssistente operacional ou professor que os acompanhe. Como também não existem assistentes operacionais para os acompanhar cria-se a confusão. Passam a não cumprir os circuitos o que torna tudo muito mais dificil. E nos intervalos ds alunos do 1º ciclo quem consegue controlá-los sem se agarrarem? Gostam de brincar e se não os deixam é como cortar-lhe as asas.

A escola anda a estipular regras e procedimentos que caem por terra quando não existem recursos humanos que possam acompanhar as mudanças nestes tempos dificeis.

Se o municipio colocasse transportes no final da manhã tudo funcionaria de forma diferente. Não se entende porque é que no municipio nada muda nestes tempos covid 19 e continua a manter os transportes escolares da mesma forma do ano transato. Continua como fez sempre só de manhã e só à tardina. Se os transportes escolares fossem também no final da manhã os horários poderiam ser feitos de outra forma e pelo menos os alunos do 2º e 3º ciclos poderiam estar em  casa num dos blocos  da manhã ou da tarde. Aliviaria e muito as escolas!

É o que julgamos ( professores e assistentes operacionais) ser a forma mais correta de lidar com esta situação.

 Por questões de ética não digo o nome da  escola nem do municipio.

É um desabafo de indignação!

Bisbilhotices.


Logo (1).jpg