Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

15º ano.jpg

Lucros da Comissão de Festas de Santa Ana.

Festas de Parada 3.jpg

A Bisbilhotada semanal vai para Parada de Gonta e as suas Comissões de Festas de Santa Ana. As Festas de Santa Ana fazem parte dos festejos de verão, uma tradição dos paradenses e realizam-se todos os anos. Tradição é também a forma como são nomeados os mordomos residentes e emigrantes. A passagem de testemunho de uma comissão para a outra é sempre no último dia de festas através dos microfones com os elementos da comissão atual a lerem uma lista dos elementos nomeados para a nova comissão. Estas comissões englobam paradenses residentes e paradenses que trabalham no estrangeiro, ou seja, emigrantes.

Estas festas ao longo dos anos sempre deram lucro, salvo uma ou outra, e a questão que se coloca e já vai sendo debatida ao longo dos anos, até neste blog, o que fazer com os lucros? o bisbilhotice refere nestes posts, “ O menino que fica”, “Dinheiros da festa de Santa Ana” e “À festa o que é da festa” a sua opinião, mas como as coisas não são imutáveis e as condições em Parada de Gonta melhoraram muito com o pavilhão multiusos de apoio às festas, a opinião do bisbilhotices é ligeiramente diferente da anterior embora coincidente.

A última comissão de festas de Santa Ana 2014, da qual fiz parte, já deixou patente que 25% dos lucros iriam para apetrechar o pavilhão multiusos, que serve todas as associações de Parada de Gonta.

Pois, nesta sexta-feira dia 15 de maio, realizou-se no pavilhão multiusos uma reunião com todas as comissões de Santa Ana que deram lucros, para resolver em conjunto o que fazer a estes dinheiros?

São cerca de seis mil euros por aí espalhados (contabilizados) e com uma conta (certificados de aforro) ainda em contos de rei, e a minha opinião é que se devia juntar este dinheiro todo, salvaguardando 25% de todos os lucros, que ficariam numa conta própria e serviriam de apoio às novas comissões em caso de extrema necessidade, como seja um azar nos dias de festa fora do controle dos mordomos, e o resto para comprar material e apetrechar a cozinha do pavilhão multiusos.

Seria assim um objetivo das comissões de festas de santa ana, porque até agora, era preciso com este dinheiro comprar material ( e muito se comprou) de apoio à festa. Basta lembrar, os frigorificos, os toldes de cobertura dos palcos, os recintos, as luzes, a aparelhagem de som, e muito mais, etc. Como agora existe o pavilhão que é um ótimo recurso de apoio à festa, nada disto é preciso, o ideal seria apetrechar de forma conveniente o pavilhão multiusos, de forma a servir bem as Comissões de festas, assim como todas as Associações que precisassem do espaço.

Um extrator de fumos, um fogão, um micro-ondas, uma máquina de lavar loiça, ou seja uma bancada completa de cozinha, seria muito útil e serviria todas as associações.

Salvaguardando sempre 25% dos lucros, os outros 75% seriam sempre também para apetrechar o pavilhão multiusos. Esta vai ser a minha posição já defendida na última reunião.

SONDAGEM:

 Bisbilhotice semanal