Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

Arte por um Canudo (Blog do Agostinho)

Dar voz ao que sinto! Arte e Educação de mãos dadas! Arte sem Arte é outra forma de Arte! Família, Amigos, Humor e Bisbilhotices são pilares desta Arte.

15º ano.jpg

Reutilizar Manuais Escolares é obra!

Reutilização dos manuais escolares segundo o despacho nº 921/2019 é o que se pretende para todo o ensino básico e secundário, no ano de 2019/2020,  isto nas pretensões dos governantes que legislaram e muito bem para darem oportunidades iguais a todos e a preverem nas melhorias ecológicas ambientais que também é preciso preservar e alertar.

Até aqui tudo bem, qualquer um concorda, até os mais céticos!

Vamos à forma como está a ser feita a reutilização dos manuais escolares, já se começou nalgumas escolas e deixa muito a desejar.

Os professores que rececionaram os manuais escolares, isto para já no 5º e 6º anos, deixaram muitas criticas e lamentações do encargo que têm e da forma como está a ser feita.

Os livros na maioria das disciplinas ainda não estão preparados, não apresentam robustez suficiente para que se manuseem durante o ano escolar em fase de estudo ou trabalhos de casa que os alunos terão de fazer sem se danificarem.

Qualquer aluno, muitas vezes é incentivado a isso, toma notas e sublinha nos próprios livros, e que depois por mais que se apague lá ficam os rabiscos. Apesar de todo o cuidado que têm os alunos mais responsáveis os rabiscos lá ficam mesmo depois de apagados, mas mesmo assim prontos a ser utilizados novamente e este é um mal menor. Tomara que fossem todos assim!

Pior são mesmo, os daqueles alunos que têm menos cuidado, os de familias desagregadas que pouco se importam se os manuais estão ou não em condições de serem novamente utilizados por outros. Pagar não! Não têm dinheiro e claro dizem que mais vale ficar sem os manuais nos próximos anos. Como vai ser? Quem os obriga? Mas, mesmo assim, vai-se vai aproveitando (naquela de não deitar tudo fora)  alguns destes manuais que vão para a plataforma da reutilização e vão calhar a um aluno que até foi cuidadoso com os seus. Vai ter que se sujeitar porque a plataforma não responde a que tem cuidado ou a quem tem menos cuidado. Pergunta-se, que igualdade é esta?

Na recente reutilização dos 5º e 6º anos, houve um aluno que até estava satisfeito porque ia entregar os manuais todos e não tinha perdido nenhum. O encarregado de educação também estava orgulhoso do neto, porque este até era responsável e ia entregar os manuais escolares, só que quando se foi verificar os manuais, o que para ele até serviam, não tinham qualquer hipótese de serem reutilizados. Sem capas, todos riscados, dobrados e muito sujos! Quando se falou que não podiam ser aproveitados ficou em pânico! Lá teve que ser o professor o mau da fita porque queria que o avô pagasse os manuais que para ele até serviam muito bem.

O que se pode dizer deste encarregado de educação é que, até cumpriu, e não foi como a grande percentagem de encarregados de educação que não compareceram ao aviso. Como vai ser com estes? A Plataforma o dirá!

Amanhã, dia 25, vai ser a entrega dos manuais do 1º ciclo, todos têm que entregar mesmo os do 1º e 2º anos que não são reutilizáveis.

Vamos lá ver como vão correr as coisas, mas muitas borrachas vão ser precisas, porque muitos dos encarregados de educação não os apagam em casa e que apaguem os professores. Dizem que não têm tempo para isso!

E esta hein?

Bisbilhotices